Documento sem título
 
Buscar notícia:
 Colunas
- Página Principal  
- Charge do Dia  
- To de Olho  
- Classificados  
- Espaço Aberto  
- Informática  
- Papel de Parede  
- Piada do Dia  
- Parabólica  
- Bancos  
 Links
- Busca  
- Esportes  
- Email Gratuito  
- Horóscopo  
- Notícias  
- Facebook  
- Portais  
- Sites Uteis  
- Wikipédia  
- You tube  
 Serviços
- Boletim Pecuário  
- Configura Email  
- Downloads  
- Fale Conosco  
- Meu IP  
Tempo
Webmail
Destaque Social
 
- 19/10/2012
Poesia - Salvo Pela Cortesia

Como é bom ter cortesia
Faz parte da educação
Saudar “ Boa Tarde”ou Bom Dia
Dar um aperto de mão


João sempre foi cortes
Cumprimentava com alegria
Sem pensar que a polidez
Viesse salvá-lo um dia


João cidadão do bem
Era um ótimo companheiro
Por ninguém tinha desdém
Saudava sempre o porteiro


Na firma com muito gente
O jovem se destacava
João era diferente
E o porteiro o observava


Quase no fim do Expediente
João a câmara fria limpava
Quando alguém por acidente
A porta por fora fechava


João sentiu-se desesperado
Teve pavor nessa hora
Ninguém ouvia seus brados
Os colegas foram embora


Cinco horas são passadas
Naquela tarde fatal
Sua sorte estava selada?
Chegaria o seu final?


Mais eis que o porteiro em tempo
Quando a ronda fazia
Ouviu um débil lamento
Dentro da câmara fria


Veja! O milagre que Deus fez!
O guarda tinha percebido
Que aquele homem cortes
No portão não tinha saído


Do fato fica o legado
Do João sem hipocrisia
Pelo guarda foi lembrado
E salvo pela sua cortesia.


Nota do autor: João é nome
fictício,poderia ser fulano, sicrano, beltrano, eu ou você.

Fonte: Fermiano Ramires Rodrigues

Webmail
Publicidade
Enquete


© Todos os Direitos Reservados - ECONET - 2002 - 2007